Info Destaque

Microsoft enfim corrige busca do Windows 10 para evitar alto uso de disco

Windows 10 pode ficar lento em computadores com disco rígido; indexação da busca poderá ser desativada durante alto uso de CPU


Vários relatos alegam que o sistema pode ficar muito lento em computadores com disco rígido (em vez de SSD) por causa da indexação da busca. Bem, finalmente a Microsoft está fazendo algo a respeito: esse recurso do Windows Search poderá ser desativado se outros programas estiverem consumindo muita CPU, se a bateria estiver fraca, ou se a economia de energia estiver ativa.

Essas mudanças estão valendo desde a build 18945, disponível para participantes do programa Insider. Se tudo der certo, elas serão expandidas para todos os usuários do Windows 10 na atualização do primeiro semestre de 2020.

O indexador da busca perderá prioridade ou será interrompido em uma dessas situações:

  • o uso de CPU ultrapassa 80%;
  • o uso de disco ultrapassa 70%;
  • a carga da bateria é menor que 50%;
  • no momento em que o dispositivo é desconectado da tomada para funcionar na bateria (ou seja, quando passa de corrente alternada para corrente contínua);
  • o modo de economia de bateria está ativado;
  • o modo de espera conectada (connected standby) está ligado;
  • o Modo de Jogo está ativado;
  • no momento em que a tela for desligada;
  • o dispositivo está acordando depois de estar no modo de baixa energia ou após o login.

O indexador do Windows Search vasculha o nome e conteúdo de seus arquivos para reunir informações como palavras e metadados. Dessa forma, o Windows 10 consegue exibir resultados mais rápido na busca do Explorador de Arquivos, Outlook, Linha do Tempo (Win + Tab) e em aplicativos universais (UWPs).

Windows 10 usa novo algoritmo para desativar indexação
Em 2018, a Microsoft fez um experimento entre usuários do programa Insider. Sempre que alguém desativava o indexador, o sistema exibia uma notificação perguntando o motivo. As principais justificativas eram: uso excessivo de disco e CPU; problemas gerais de desempenho; e baixo valor percebido desse recurso de busca.

Então, em julho de 2019, o Windows 10 ganhou um novo algoritmo que diminui a atividade de indexação avaliando diversos sinais, como alto consumo de disco. O Windows Search também deixou de vasculhar repositórios como o Git, que geralmente têm seus próprios indexadores; e parou de acompanhar as pastas de projetos do Visual Studio.

Ainda assim, a indexação acaba sendo desligada em alguns PCs. Desde a build 18945, o principal motivo é: "feito sem a intenção do usuário". Ou seja, algum aplicativo desativou automaticamente esse recurso do Windows Search. "Nosso palpite é que, à medida que nossos parceiros descobrirem como o indexador evoluiu, desabilitá-lo pode não ser mais necessário", diz a Microsoft.

O segundo principal motivo é "proteger o SSD de desgaste", algo que a Microsoft não comenta. Ainda não existe um consenso sobre isso: os drives de estado sólido não são tão frágeis como antigamente, mas têm suas limitações. Um teste do Tech Report descobriu que eles podem escrever 300 terabytes ou mais antes de apresentarem falhas — é o bastante para gravar 100 GB todo dia por 8 anos.

Nenhum comentário:

Recomende e compartilhe para seus amigos no facebook

Últimos Smartphones "Android" Adicionados

Últimos Smartphones "iOS" Adicionados

Últimas em "Info App"

Últimas em "Curiosidades Smart"

Últimas em "Smart Biografias"

Últimas em "Smart Dicas"

Últimas em "Smart News"

➤➤➤SmartPhone da Semana

O Moto One Macro é o mais novo membro da família Motorola One, trazendo, como o nome diz, uma câmera dedicada para macros. De resto é um modelo que fica entre o segmento básico e o intermediário, focando no preço mais acessível.

LANÇAMENTO: 24.OUT.2019

Display: 6.2"
Sistema Operacional: Android 9.0 (Pie)
Resolução: 720 x 1520px
Capacidade: 64 GB 4 GB RAM
Cartão de Memória: microSD até 512 GB (gaveta compartilhada)
Tecnologia de Rede: GSM / HSPA / LTE
Outros nomes no mercado: Moto One Macro, MotoOne Macro, One Macro

➤➤➤ Top MultiMidia Info

Designer gráfico mexicano usa seu incrível talento para criar pequenos mundos

Felix Hernandez é fotógrafo, designer gráfico e artista digital, ele vive na cidade de Cancun, México. Dirige a Agência Criativa "Pro...

Confira nossas últimas matérias

10/recentposts

➤➤➤Confira os destaques do nosso canal no Youtube







➤➤➤Navegue pela Data e encontre as Matérias em Ordem Cronológica

Tecnologia do Blogger.